Umas e outras …

Compartilhe:

Em meio a tantas coisas que a gente fala e ouve, uma parte considerável é tempo perdido. Saber falar e saber calar é uma máxima da sabedoria do Eclesiastes: “Debaixo do céu há momento para tudo, e tempo certo para cada coisa: (…) Tempo para calar e tempo para falar” (Ecle 3,1.7) e, ao mesmo tempo, uma decisão do coração que aprendeu o discernimento, como diz São Paulo: “Que nenhuma palavra inconveniente saia da boca de vocês; ao contrário, se for necessário, digam boa palavra, que seja capaz de edificar e fazer o bem aos que ouvem” (Ef 4,29).

Receba, então, as palavras e pensamentos a seguir como sabedoria do coração.

Temos uma trabalheira insana

Não posso dar-me ao luxo de receber-Te como hóspede e deixar-Te apenas na sala de visitas. Vem, em roupa de serviço, com Tuas ferramentas, pois não quero ser mais que uma forja de trabalho de onde possas atender às precisões do mundo (D. Helder Câmara).

O que lhe falta?

Certo dia, durante a oração, um homem sentia um forte apelo para fazer alguma coisa em favor dos pobres. Mal havia saído do lugar em que rezava, viu um pobre na rua. Correu ao encontro dele dizendo: “irmão eu gosto muito de você. Diga-me o que lhe falta, que eu providenciarei aquilo de que necessitas”.  Entre espantado e incrédulo, o pobre olhou para aquele homem e respondeu: “você me chama irmão e não sabe o que me falta!?” (Narrativas do Chassidim)

Feliz quem vive na verdade

“Quero ser mensageiro de esperança, levando luz nos olhos, inquietude nas minhas mãos frágeis e a intranquilizante força de Deus na Palavra.

Quero ser semeador de liberdade entre homens, meus irmãos, para edificar o Reino nesta terra boa e nossa.

Quero anunciar a paz com pés não profanados pelo ouro não caminharei por caminhos de injustiça, não aceitarei a opressão dos poderosos.

Beberei força onde bebe o povo, terei meu lar onde existia um ser humano, e será meu silêncio a voz sufocada dos humildes desta terra.

Não venderei meu coração à mentira, não calarei a verdade nunca. Serei como a voz do povo, quase imperceptível, porém carregada de dor e esperança.

Feliz aquele que assim programa sua vida, porque será perseguido e caluniado por muitos, mas, estará firme em seu Senhor, pois o Senhor, seu Deus, desde sempre o chamou” (Livro: Salmos de libertação).

Fidelidade a toda prova

“Meu filho, se você se apresenta para servir ao Senhor, prepare-se para a provação. Tenha coração reto, seja constante e não se desvie no tempo da adversidade. Una-se ao Senhor e não se separe, para que você no último dia seja exaltado. Aceite tudo o que lhe acontecer, e seja paciente nas situações dolorosas, porque o ouro é provado no fogo e as pessoas escolhidas, no forno da humilhação. Confie no Senhor, e ele o ajudará; seja reto o seu caminho, e espere no Senhor…” (Eclo 2,1-11).

 

 

Por: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

 

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts