Solenidade da Ressurreição do Senhor é celebrada com a participação de muitos fiéis em Oeiras

Compartilhe:

 

Neste Domingo da Páscoa na Ressurreição do Senhor, dia 31, às 8h, teve início a Procissão do Senhor Ressuscitado, saindo da Catedral e percorrendo algumas ruas da Cidade, ao som da banda de música Santa Cecília, entoando cantos de ressurreição. E os fiéis, com o coração festivo alegres cantaram, manifestando assim a força da vida que vence a morte.

A caminhada seguiu e retornou para a igreja, onde foi presidida pelo bispo diocesano, Dom Edilson Soares Nobre, a Missa Solene da Ressurreição do Senhor.

Na reflexão Dom Edilson, iniciou falando ao povo, que é dia de festa, uma festa gradiosa, porque temos várias razões para celebrar, pois vivemos uma experiência profunda e intensa, começando desde o início da Quaresma, e que intensificamos a experiência a partir do Bom Jesus dos Passos, com a Quinta-feira da Fugida até o presente momento. Disse ainda que muita coisa boa foi vivenciada, muitas palavras foram lançadas nos corações, muitos ensinamentos foram passados. E agora chegamos ao ápice desta catequese e precisamos ter bastante compreensão para não acharmos que o Salvador permanece na cruz, pois a mesma permanece como sinal de salvação, porque foi passando pela cruz, que Jesus ressuscitou. A ressurreição é o coração do anúncio Cristão.

Acrescentou que São Paulo, escreveu aos cristãos em Corinto destacando que essa foi a notícia transmitida, pois Cristo morreu por nossos pecados segundo as escrituras e apareceu a Pedro e depois aos doze. Na primeira leitura Pedro diz que somos testemunhas de tudo que Jesus fez na terra.

Destacou que Cristo ressuscitou e que está bela notícia se transmite de geração em geração e reforça com o testemunho dos mártires e santos. Pois foi Jesus Cristo que moveu e tocou coração daqueles homens para que pudessem seguir em frente, mesmo enfrentando ameaças e muitas vezes derramando o sangue.

Convocou os fiéis a comunicar o evangelho da alegria que o Papa Francisco nos pede, pois somos chamados a dar esse testemunho.

Dom Edilson, concluiu ressaltando que a experiência da ressurreição toca mais a alma que a vista, é algo que vem de dentro da pessoa e que muda a vida, determina, direciona e apresenta um caminho a seguir. Ao término da Santa Missa Dom Edilson deu a benção final e votos de uma feliz Páscoa a todos.

Por: Dalva Carvalho

   

Posts Relacionados

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts

PALAVRA TEM PODER!

  Nossas relações interpessoais são formadas e estabelecidas por muitas e fortes mediações. Uma dessas mediações é a Palavra. Sem a palavra a vida seria