DOM EDILSON NOBRE COMANDA PROCESSO DE TRANSIÇÃO EM TANQUE DO PIAUÍ

Compartilhe:

 

O bispo da diocese de Oeiras, Dom Edilson, está comandando o processo de transição para o novo pároco da paróquia de São Sebastião em Tanque do Piauí desde a vacância com a saída do Pe. Hubert Kilga (MSC) que comandou a paróquia por quase 17 anos.

Nos dois últimos meses, Dom Edilson tem visitado a paróquia semanalmente, andando pelas comunidades preparando o “terreno” para o novo padre que virá comandar os trabalhos pastorais, dentre outras coisas, está sendo organizada a Pastoral do dízimo tanto na sede quanto na zona rural.

Além das visitas do bispo, também está andando pela Paróquia, o Pe. Pereira e o Seminarista Amós da Comunidade Salesiana Dom Bosco, fazendo um trabalho de visitas às famílias e de trabalho com os jovens para que se sintam parte do processo de evangelização e de ajuda na messe da Igreja.

Algumas reuniões com o Conselho Pastoral Paroquial já foram realizadas e, nessas reuniões, são traçadas metas e feitas avaliações do que já foi feito na paróquia. No último dia 11 de julho fora feita mais uma reunião com esse fim.

Dom Edilson iniciou a reunião lembrando que as suas visitas não são apenas para cumprir uma agenda de missas, mas acima de tudo tem um caráter administrativo para que a comunidade sinta que a Diocese está próxima e auxilia nas nuances de preparação para a nova era que virá quando novo pároco assumir.

Solicitou também informações do funcionamento das diversas pastorais existentes tais como, dia de reuniões, como estão se organizando com relação à pandemia, quantidade de participantes, o que foi prontamente repassado pelos membros do CPC e outras informações das comunidades.

Um dos maiores desafios é a organização financeira da Paróquia, fazendo com que a comunidade seja autossuficiente na sua sustentação, para isso, faz se necessário a ampliação da Pastoral do Dízimo, tendo em vista que administrativamente a comunidade precisa ser responsável pela manutenção de todas as ações internas, dessa forma, fora feita uma prestação de contas do mês de junho, como no mês anterior (em anexo) e percebeu-se uma melhora com relação ao aumento de dizimistas, o que mostra que a Pastoral do Dízimo está conseguindo fazer um bom trabalho e acima de tudo, a comunidade está entendo a importância de ajudar na manutenção da paróquia.

Dom Edilson ficou satisfeito com o trabalho realizado e disse que o trabalho de conscientização realizado por ele nas missas e reuniões com as comunidades aliado aos esforços da Pastoral e do Conselho já surtem um efeito visível e que sentem-se motivado a continuar e que acredita que tudo dará certo.

Por: Pascom Paroquial

Fotos: Fábio Medeiros

FONTE: http://pascomss.blogspot.com/

 

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts