Diocese de Oeiras realiza encontro de aprofundamento para multiplicadores da Campanha da Fraternidade 2019

Compartilhe:

 

Durante este sábado (23) e domingo (24/02), a Diocese de Oeiras realizou um encontro de aprofundamento para multiplicadores da Campanha da Fraternidade 2019 que tem como tema “Fraternidade e Políticas Públicas” e lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça” (Is 1,27). O evento aconteceu no Centro diocesano de Pastoral Dom Expedito Lopes, Oeiras – PI.

Com a participação do bispo, padres, diáconos, religiosas e representantes de todas as Paróquias e Áreas Pastorais que compõem a diocese de Oeiras, o encontro foi assessorado por Antônio S. Evangelista, Toninho Evangelista, Mestre em Bioética pela Universidade São Camilo, Pós-graduação em Fé e Política pelo Centro Nacional de Fé e Política Dom Helder Câmara – CEFEP em parceria com a PUC-RIO, Psicologia pela Universidade São Francisco e Ciência Religiosa pela PUC Campinas. Secretário Executivo da Campanha da Fraternidade no Regional Sul I da CNBB e desde 2010. Membro do ENAC (Equipe Nacional da Campanha da Fraternidade). Secretário Executivo da Cáritas Brasileira Regional São Paulo.

O encontro começou, as 8:00h, com a oração inicial coordenada pelo Diácono Lael Rubem, seguida da acolhida feita por Dom Edilson Nobre, bispo diocesano de Oeiras.

Toninho Evangelista explicou que as políticas públicas têm como objetivo proporcionar o desenvolvimento humano. “Ao constatar que a dignidade humana fica prejudicada pela ausência dessas políticas, a Igreja sinaliza como sua preocupação, e exercício quaresmal, nossa conversão em relação a esse tema. É um tema desafiador, mas deve provocar em nós a consciência de que a ausência de políticas públicas impossibilita o desenvolvimento da dignidade humana que nós defendemos como Igreja. A Igreja nos convida a entender as políticas públicas na perspectiva da pessoa humana, independente das ideologias partidárias porque o nosso objetivo é o Reino”, pontuou.

Segundo o documento, as políticas públicas são ações e programas que são desenvolvidos pelo Estado para garantir e colocar em prática direitos que são previstos na Constituição Federal e em outras leis. O item 20 do documento destaca que Políticas Públicas representam soluções específicas para necessidades e problemas da sociedade. “Ela é a ação Estado, que busca garantir a segurança e a ordem, por meio da garantia dos direitos”, diz o texto.

Essa participação direta da sociedade na elaboração e implementação de Políticas Públicas está garantida na Constituição Federal de 1988 que prevê a participação popular em conselhos deliberativos que estão divididos em quatro áreas: criança e adolescente; saúde; assistência social e educação.

Todos esses conselhos funcionam a nível sejam eles municipal, estadual e federal. O objetivo desta campanha é “estimular a participação em políticas públicas, à luz da Palavra de Deus e da Doutrina Social da Igreja para fortalecer a cidadania e o bem comum, sinais da fraternidade”. 

 

 

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts