DEUS É TRINDADE! PAI E FILHO E ESPÍRITO SANTO

Compartilhe:

 

Todas as coisas são Mistério!

Esta é a expressão mais bonita e a visão mais profunda que podemos ter em nosso viver.  Mistérios da vida! Mistérios da fé!

Os Mistérios da Fé vão de encontro aos Mistérios da Vida porque estão interligados; se intercomunicam. Nada há de contraditório entre ambos porque encontram sua origem e fonte no único e verdadeiro Mistério do Deus Trindade.

Não se fala de mistério para indicar coisas inatingíveis, inacessíveis ou incompreensíveis. Não! Fala-se de mistério, a respeito de realidades que escapam à mente e a inteligência humana. Têm verdade e não precisam de provas; têm sentido e não carecem de explicações; têm significado e não esperam justificativas; têm atualidade e não precisam demonstrações. Os mistérios não são dados à cabeça, para a limitada compreensão intelectual. Os Mistérios são dados à existência, em todas as suas formas e expressões: cabeça, corpo, mente, espírito, afeto, psique, sentimentos…

Porque são dados à existência, os mistérios precisam de entendimento. Isso significa que precisamos emprenhar todo nosso ser nesta procura, sem presunção, preconceito e orgulho. Assim diz Jesus: “Eu te louvo, Pai, Senhor do céu e da terra, porque escondeste essas coisas aos sábios e inteligentes, e as revelaste aos pequeninos” (Mt 11,25).

Deus é Mistério!

O Mistério da Santíssima Trindade é o que dá a compreensão sobre Deus, suas ações e promessas. Deus é Trindade: Pai, Filho e Espírito Santo.

A teologia chama a atenção para o seguinte discernimento: para entender o Mistério da Trindade, convém compreender bem a unidade indissolúvel da natureza divina. Com um Deus e três pessoas?

“Deus é essencialmente um e único. Ele não poderia, de modo algum, ser vários deuses, como há vários homens. Quem diz Deus, está dizendo: poder, sabedoria infinita, bondade… por essência. Se pudesse haver vários deuses, cada um deles seria limitado por algum lado; nenhum seria Deus. Logo, só pode haver um Deus.

Dizendo que só há um Deus, entende-se que a natureza divina é essencialmente una (indivisível), e que ela não pode se multiplicar entre várias pessoas diferentes umas das outras. A natureza humana, por exemplo, se multiplica tantas vezes quantos são os indivíduos que a possuem. Tomemos dois homens: eles têm cada um a natureza humana e é por isso que são homens; mas a natureza de um não é a natureza do outro, são dois homens diferentes.

Em Deus, a natureza divina não se multiplica assim, ela não pode se multiplicar assim e, no entanto, sendo essencialmente una em si mesma, ela é comum a três Pessoas distintas. O Pai possui a natureza divina, o Filho a possui, o Espírito Santo a possui; e é a mesma e única natureza nos três. Assim, o Pai, o Filho e o Espírito Santo não são três deuses, mas um só Deus. Se eles fossem três deuses, haveria três naturezas divinas; ora, não pode haver mais do que uma.

Essa natureza única não é dividida entre as três Pessoas, como se cada uma possuísse um terço; ela é inteira em cada, como a natureza humana é inteira em cada homem. O mistério consiste justamente nisso: que a natureza divina é inteira em cada uma das três Pessoas sem ser, por isso, multiplicada ou triplicada.

Uma santa italiana, Santa Clara de Montefalco, meditou muito sobre o mistério da Santíssima Trindade. Depois de sua morte achou-se no seu fígado três bolinhas iguais. Essas bolinhas tinham algo em particular: cada uma delas pesava tanto quanto as três juntas. Que se pesasse uma, duas ou três, era sempre o mesmo peso. Uma imagem impressionante da Santíssima Trindade! Tome uma Pessoa divina: a natureza divina está toda nela. Tome duas Pessoas divinas: ela está toda nas duas. Tome todas as três, ela está toda nas três, mas tanto nas três quanto em uma só, como a bolinha que não pesava mais quando as três juntas ou quando uma só separada.”

Quando acolhemos o mistério como mistério, damos a todas as coisas, uma nova realidade, cujo sentido está todo em Deus, que é fonte e origem de todas as coisas.

Em Deus, que é Mistério, todas as coisas são mistério!

 

Por: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

Posts Relacionados

A AMIZADE DE DEUS

  Nosso Senhor, o Verbo de Deus, que primeiro atraiu os homens para serem servos de Deus, libertou em seguida os que lhe estavam submissos,

LEIA MAIS

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts