Bispos do Piauí participam da 59ª Assembleia Geral da CNBB

Compartilhe:

 

Iniciou na última segunda-feira, 25, a 59ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Esta 1ª etapa acontecerá de forma virtual, através da plataforma Zoom, até o dia 29 de abril. A 2ª etapa da Assembleia acontecerá de 29 de agosto a 2 de setembro, de forma presencial, em Aparecida do Norte-SP.

 

Dom Eduardo Zielski, bispo da Diocese de São Raimundo Nonato.

O tema central da assembleia foi definido como “Igreja Sinodal – Comunhão, Participação e Missão”, em sintonia com o processo do Sínodo 2021-2023, convocado pelo Papa Francisco.

Dom Plínio Luz, bispo da Diocese de Picos.

Durante a 59ª Assembleia Geral, haverá discussões e debates em torno de seis temas prioritários, dentre os quais o relatório anual do Presidente, o informe econômico e assuntos das Comissões Episcopais para a Liturgia, Tradução dos Textos Litúrgicos (CETEL) e Doutrina da Fé (CEPDF). Além desses, outros 30 temas estão na pauta desta etapa virtual. São assuntos de estudo, comunicações, análises de conjuntura e os temas que não exigem votações presenciais do episcopado brasileiro.

Dom Marcos Tavoni, bispo da Diocese de Bom Jesus do Gurgueia.

O presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) Regional Nordeste IV, Dom Juarez Sousa da Silva, falou sobre a 59ª Assembleia Geral e destacou as análises de conjuntura social e eclesial, um dos temas tratados entre bispos:

“É um momento de escuta entre as Igrejas Particulares onde iremos debater a conjuntura social, fazendo uma análise da realidade sócio-política, com seus desafios, mas também com suas esperanças. Além disso, faremos uma análise da conjuntura eclesial, a partir do Documento de Aparecida, que desperta para a ação evangelizadora e missionária da Igreja.”

Dom Edilson Nobre, bispo da Diocese de Oeiras.

Dom Juarez também falou sobre a revisão dos estatutos da CNBB, um processo de revisão do Estatuto e Regimento, iniciado em 2017, documentos que devem expressar a identidade da conferência (missão, evangelização e sinodalidade).

“Este ano, estamos celebrando 70 anos da CNBB. Neste sentido, estamos refazendo nossos estatutos, com revisões e atualizações para que esta instituição, como Igreja no Brasil, possa cumprir cada vez mais com o seu papel de anunciar o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo.”

Dom Francisco de Assis, bispo da Diocese de Campo Maior.FONTE: https://cnbbne4.org.br/bispos-do-piaui-participam-da-59a-assembleia-geral-da-cnbb/

 

 

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts

QUEM SE CALA…

Todos nós temos responsabilidade no bem ou no mal do mundo.  Ninguém pode se considerar isento desta responsabilidade ou inocente em todas as situações. Com