A necessária ação de graças

Compartilhe:

 

Na vida e na fé, dentre as muitas maneiras de lidar com as situações, com os acontecimentos, com as pessoas, consigo mesmo e com Deus, nenhuma delas é mais acertada, mais autêntica e mais verdadeira do que a gratidão. Dizer muito obrigado; fazer as coisas de graça; ir de graça; dar de graça; receber de graça… tudo isso expressa gratidão.

A gratidão é a sensibilidade de quem vê, pensa, sente, contempla, escolhe, decide e age com o coração. Porque o coração tem razões que a própria razão desconhece.

Lucas em 6,45 assim se expressa: “O homem bom tira coisas boas do bom tesouro do seu coração, mas o homem mau tira do seu mal coisas más, porque a boca fala daquilo de que o coração está cheio”. Já Marcos em 7,14-23 assim se manifesta: “Jesus continuou a dizer: ‘É o que sai da pessoa que a torna impura. Pois é de dentro do coração das pessoas que saem as más intenções, como a imoralidade, roubos, crimes, adultérios, ambições sem limite, maldades, malícia, devassidão, inveja, calúnia, orgulho, falta de juízo. Todas essas coisas más saem de dentro da pessoa, e são elas que a tornam impura”. Dito de outra maneira é, também, do coração de uma pessoa que sai todo o bem!

Gratidão, portanto, requer atitude de coração: ou seja, ação de graças. O ingrato é, sempre, uma pessoa ignorante, cega, impotente, impura e infeliz. Só é possível ser feliz e fazer os outros felizes em permanente atitude de ação de graças.

Eis o que diz a Palavra de Deus a este respeito, nesses dez textos:

1 Crônicas 29,9: “O povo, cheio de generosidade, se alegrava em oferecer algo a Javé. Também Davi ficou muito contente.

2 Crônicas 29,31: “Então Ezequias tomou a palavra e disse: ‘agora vocês estão consagrados a Javé! Venham e ofereçam sacrifícios de ação de graças pelo Templo de Javé”. A assembleia ofereceu sacrifícios de ação de graças, e os que tinham coração generoso levaram holocaustos.

2 Macabeus 10,38: “Depois de tudo isso, com hinos e ação de graças louvaram ao Senhor, que tinha feito tão grande benefício em favor de Israel, concedendo a eles essa vitória.

Isaías 51,3:Javé consola Sião, consola suas ruínas: ele transformará o deserto dela num paraíso, a secura num jardim de Javé. Aí haverá alegria e festa, ações de graças e hinos de louvor.

Jeremias 33,11: “‘agradeçam a Javé dos exércitos, porque ele é bom, porque o seu amor é para sempre’. Pois eu mudarei a sorte deste país, farei voltar ao que era antes, diz Javé.

Daniel 3,89:Dêem graças ao Senhor, porque ele é bom, porque a sua misericórdia é para sempre.

2 Coríntios 2,14: “Graças sejam dadas a Deus, que nos faz participar do seu triunfo em Cristo e que, através de nós, espalha o perfume do seu conhecimento no mundo inteiro.

Colossenses 1,12: “Com alegria, dêem graças ao pai, que permitiu a vocês participarem da herança dos cristãos, na luz.

1 Tessalonicesnses 5,18: “Dêem graças em todas as circunstâncias, porque esta é a vontade de Deus a respeito de vocês em Jesus Cristo.

Apocalipse 7,12: “E diziam: ‘Amém! O louvor, a glória, a sabedoria, a ação de graças, a honra, o poder e a força pertencem ao nosso Deus, para sempre. Amém!’”

Dia 26 de novembro é o dia universal de ação de graças. Sejamos agradecidos!

Fonte: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts