VIVENDO A SEMANA SANTA

Compartilhe:

A semana santa está ai! Começa neste dia 24 de março. Vamos vivenciá-la

Começando pelo Domingo de Ramos, a Semana Santa nos permite celebrar, mais de perto, o Mistério Pascal de Cristo entendido como sua Paixão, Morte e Ressurreição. Na Semana Santa vivenciamos os últimos momentos de Jesus iniciado pelo processo injusto que o sentenciou à cruz até a ressurreição comunicada, de antemão, para Maria Madalena. São momentos intensos, comoventes, chocantes, emocionantes. São momentos de tristeza, dor, medo, desespero e abandono misturado com alegria, esperança, confiança e coragem.

A Semana Santa tem o poder de nos fazer sentir gente com o humano sofrimento de Jesus e divino com a sua vitória sobre o pecado e a morte na cruz.

A Semana Santa é o resumo de uma história de fé baseada na obediência, no amor e na fidelidade, tanto sobre Jesus como sobre nós. Deste modo, a Semana Santa é a expressão não dos dias que se sucedem mas, do tempo que se cumpre na fé.

A Semana Santa é o tempo da maturidade no caminho da cruz!

Não podemos desprezar os tempos e nem os momentos. Não podemos perder a chance de fazer desta Semana Santa, a melhor de todas as Semanas Santas de nossa vida. Não podemos perder a chance, também, de fazer desta páscoa a melhor de todas as páscoas de nossa vida.

Para viver bem a Semana Santa, você não pode perder de vista, pelo menos, o TRÍDUO PASCAL que é o centro da Páscoa. Tem início na Celebração da Ceia do Senhor na noite da quinta-feira santa, passa pela Paixão e Cruz de Nosso Senhor, na sexta-feira santa, e chega até o domingo de páscoa, sustentando uma espera em oração, durante toda a noite, na vigília pascal ou sábado de aleluia.

A quinta-feira santa abre o Tríduo Pascal com a celebração de Instituição da Eucaristia (ou missa do lava-pés). Nesta noite recordamos o momento em que Cristo, reunindo os seus apóstolos, resolve dar à ceia pascal judaica, que celebrava a libertação do Egito, um novo sentido: o da libertação da morte e do pecado, com a sua cruz. Dentro desta ceia ele dá um mandamento, que é o seu, o único: “amem aos outros como eu amei vocês”. O sinal deste amor é a obediência e o serviço que vem do lava-pés: “dei o exemplo para que vocês façam a mesma coisa”. A afirmação fundamental desta celebração é que a Igreja faz e vive da Eucaristia.

A sexta-feira santa nos coloca diante do sofrimento e da dor de Jesus. Nós nos reunimos para comemorar e reviver a paixão do Senhor. A Igreja contempla Cristo que, morrendo, se oferece como vítima ao Pai, para libertar toda humanidade do pecado e da morte. Nós adoramos, nesta celebração, o mistério de nossa salvação e dispomos nosso coração, na fé e no arrependimento, para que possamos ser curados e santificados pelo Sacrifício do Cristo. A Cruz tem poder de salvar. Este é o único dia do ano que nunca se celebra missa, só se distribui a comunhão. A celebração deste dia tem quatro partes: paixão proclamada: liturgia da palavra; paixão invocada: solene oração universal; paixão venerada: adoração da cruz e paixão comungada: comunhão eucarística.

O Sábado Santo (ou sábado de aleluia)… este é o dia da espera! É o dia da Vigília Pascal… a noite mais clara de todas as noites do ano; é a maior de todas as celebrações da Igreja porque a LUZ do Cristo põe fim à escuridão. Nesta noite está o fundamento de fé da Igreja. Nesta noite declaramos e assumimos que nossa fé se fundamenta na força de um Deus morto e ressuscitado e disso não nos envergonhamos.  A celebração desta noite tem quatro momentos: Liturgia da Luz, Liturgia da Palavra, Liturgia Batismal e Liturgia Eucarística. A noite toda do sábado é celebrada em vigília (acordados) para vermos a madrugada da ressurreição.

Vamos viver a Semana Santa!

É para a liberdade que Cristo nos Libertou!

 

Por: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

Posts Relacionados

PALAVRA TEM PODER!

  Nossas relações interpessoais são formadas e estabelecidas por muitas e fortes mediações. Uma dessas mediações é a Palavra. Sem a palavra a vida seria

LEIA MAIS

DEUS É MISSÃO!

Deus não cessa de comunicar o seu amor e de revelar-se, por inteiro, sem reservas. Sua pedagogia é a da aproximação e da presença. Ele

LEIA MAIS

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts

PALAVRA TEM PODER!

  Nossas relações interpessoais são formadas e estabelecidas por muitas e fortes mediações. Uma dessas mediações é a Palavra. Sem a palavra a vida seria