Firmeza sim, mas com flexibilidade

Compartilhe:

Firmeza pode ser associada, simbolicamente, a rocha. Mas, não deve ser cofundida como dureza e rigidez. Toda firmeza deve possuir uma certa medida de flexibilidade, de doçura e maciez. Não como sua contradição, mas, como sua verdade porque, firmeza é sustento, durabilidade, solidez, estabilidade, equilíbrio…

A firmeza é fruto de uma fé robusta e madura. Assim diz o livro do Eclesiástico: “Se a pessoa não se agarra com firmeza ao Temor do Senhor, sua casa logo será destruída” (Eclo 27,3).

Se alguém quer atingir algum grau de firmeza na vida, precisa fazer um caminho de fé baseado no progressivo amadurecimento das potencialidades pessoais, conforme o senhor mesmo concedeu a cada um:“Ouro e prata dão firmeza aos pés, mas acima dos dois estima-se o conselho” (Eclo 40,25).

Alguns conselhos da fé:

Segundo livro das Crônicas: “Fiquem firmes, não desanimem, porque suas obras serão recompensadas” (2Cr 15,7);

Provérbios: “Fique atento às trilhas onde você coloca os pés, e que todos os seus caminhos sejam firmes” (Pr 4,26);

Salmo: “Sejam firmes, fortaleçam o coração, todos vocês que esperam em Javé!” (Sl 31,25).

Para ser firme é preciso ser vigilante

“Sejam vigilantes, permaneçam firmes na fé, sejam homens, sejam fortes. Façam tudo com amor. Mais uma recomendação, irmãos: vocês conhecem a família de Estéfanas, que é o primeiro fruto da Acaia; eles se dedicaram ao serviço dos irmãos. Sejam atenciosos para com pessoas de tal valor e para com todos os que colaboram e se afadigam na mesma obra” (1Cor 16,13-16).

Para ser firme é preciso viver livre em Cristo

“Cristo nos libertou para que sejamos verdadeiramente livres. Portanto, sejam firmes e não se submetam de novo ao jugo da escravidão. Vocês estavam correndo bem. Quem foi que colocou obstáculo para que vocês não obedeçam mais à verdade? Tal influência não vem daquele que chama vocês. Irmãos, vocês foram chamados para serem livres. Que essa liberdade, porém, não se torne desculpa para vocês viverem satisfazendo os instintos egoístas. Pelo contrário, disponham-se a serviço uns dos outros através do amor” (Gálatas 5,1-15).

A firmeza exige avaliação periódica de si mesmo

“Examinem-se a si próprios e vejam se estão firmes na fé. Façam uma revisão de si mesmos. Será que vocês não reconhecem que Jesus Cristo está em vocês? A não ser que não passem na prova! Espero que reconheçam que nós somos aprovados. Pedimos a Deus que vocês não cometam mal nenhum. O nosso desejo não é aparecer como aprovados, mas sim que vocês pratiquem o bem, ainda que devamos passar como não aprovados. Nada podemos contra a verdade; só temos poder em favor da verdade” (2Cor 13,5-10).

A firmeza põe coragem no testemunho

“Mas, antes que essas coisas aconteçam, vocês serão presos e perseguidos; entregarão vocês às sinagogas, e serão lançados na prisão; serão levados diante de reis e governadores, por causa do meu nome. Isso acontecerá para que vocês dêem testemunho. Portanto, tirem da cabeça a ideia de que vocês devem planejar com antecedência a própria defesa; porque eu lhes darei palavras de sabedoria, de tal modo que nenhum dos inimigos poderá resistir ou rebater vocês. E vocês serão entregues até mesmo pelos próprios pais, irmãos, parentes e amigos. E eles matarão alguns de vocês. Vocês serão odiados por todos, por causa do meu nome. Mas não perderão um só fio de cabelo. É permanecendo firmes que vocês irão ganhar a vida!” (Lc 21,12-19).

 

Por: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts