DEUS É TRINDADE! PAI E FILHO E ESPÍRITO SANTO

Compartilhe:

DEUS É TRINDADE! PAI E FILHO E ESPÍRITO SANTO.

 

VOCÊ, AGORA, TEM TEMPO PARA OUVIR DEUS FALAR?

 

Carregamos muitas ilusões na vida mas, quem sabe, as piores são: ficar rico; não sofrer; não ter conflito; resposta imediata; solução rápida; varinha mágica. Somos pouco realistas nas coisas e, vivemos tentando fugir da realidade, o que acarreta muitas frustrações e desencantos com a vida. Tentamos minimizar o peso de tudo e acabamos por aumentar, terrivelmente, o tamanho e a dimensão dos problemas. Consequentemente vivemos procurando subterfúgios e compensações, numa vida de faz de conta, tratando a vida de maneira infantil, pontuando a realidade com valores e afirmações que desviam o foco das lutas verdadeiras. Por isso, imaginando poder agradar a todos; satisfazer as expectativas dos outros e responder a todas as perguntas… passamos a vida toda distantes de nós mesmos e, absolutamente infelizes porque, não vivemos para nós mas, para os outros.

Vivendo em função dos outros, fingimos viver; fingimos crer; fingimos amar; fingimos sentir; fingimos… Fingimos tudo! Por isso, nós não crescemos, não amadurecemos e a vida não rende!

Parece que não, mas essa é uma maneira egoísta de viver a vida porque buscamos autoproteção e autoconservação. Não queremos ter problemas! Por isso, fingimos! Isso é egoísmo.

Você já considerou o fato de que, para ser feliz, precisa ter coragem de mostrar a cara; de se apresentar para a luta; de sair da toca; de dar os primeiros passos; de se lançar para a vida?

Por que, ao invés de ficar mantendo uma imagem fingida de si para os outros, você não procura restaurar a autoimagem verdadeira de filho(a) de Deus? Este é o começo de uma revolução dos sentidos. Você não é um coitadinho.

O que realmente importa para você? Quais são os seus sonhos? O que você quer? O que está disposto a renunciar? O que quer sacrificar? Por onde vai começar?

Mudanças fundamentais começam de dentro; do coração.

Começando pelas coisas fundamentais, pergunte-se: Por que a vida? Por que a religião? Por que a fé? Por que a Palavra de Deus? Por que Deus? Nem todos os que vivem, querem a vida, nem todos os que professam uma religião o fazem para estar ligado a Deus; nem todos os que buscam a fé querem a fé; nem todos que procuram a Palavra de Deus, querem ouvir a Deus; nem todos os que procuram a Deus, querem Deus.

E você, o que vê quer? O que você pretende? O que você espera?

Para ser protagonista da própria história é necessário sair do egoísmo defensivo, do isolamento e do medo de sofrer. É preciso ter fé e acolher a vida, na gratuidade; é necessário sonhar um mundo novo possível, a partir de si mesmo; é fundamental abrir-se à vida interior e aprender a ouvir e silenciar.

Aquilo que você espera, precisa de um começo… vai… tome a iniciativa! Só falta você! Os outros não importam. Tem coisas na vida que só dependem de nós mesmos. Quando os outros forem necessários, acolha-os como colaboradores e parceiros. Ninguém lhe substitui no lugar que é somente seu.

Não dê ouvido a qualquer um e, também, não seja um tagarela!

Pare… você viu que já não tem tempo para nada?

Respire… você está correndo atrás do vendo!

Silêncio… você, agora, tem tempo para ouvir Deus falar?

Is 43,1-5: “Agora, porém, assim diz Javé, aquele que criou você, Jacó, aquele que formou você, ó Israel: Não tenha medo, porque eu o redimi e o chamei pelo nome; você é meu. Quando você atravessar a água, eu estarei com você e os rios não o afogarão; quando você passar pelo fogo, não se queimará e a chama não o alcançará, pois eu sou Javé seu Deus, o Santo de Israel, o seu Salvador. Para pagar a sua liberdade, eu dei o Egito, a Etiópia e Sabá em troca de você, porque você é precioso para mim.”

Eclo 2,1-6: “Meu filho, se você se apresenta para servir ao Senhor, prepare-se para a provação. Tenha coração reto, seja constante e não se desvie no tempo da adversidade. Una-se ao Senhor e não se separe, para que você no último dia seja exaltado. Aceite tudo o que lhe acontecer, e seja paciente nas situações dolorosas, porque o ouro é provado no fogo e as pessoas escolhidas, no forno da humilhação. Confie no Senhor, e ele o ajudará; seja reto o seu caminho, e espere no Senhor.”

2Tm 1,7-10: “De fato, Deus não nos deu um espírito de medo, mas um espírito de força, de amor e de sabedoria.

 

 

Por: Pe. Edivaldo Pereira dos Santos

Foto: Google

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts