“Apontou para os caminhos da sinodalidade”, diz Dom Edilson sobre Congresso Eucarístico Nacional

Compartilhe:

O bispo de Oeiras, Dom Edilson Soares Nobre falou sobre a experiência do 18º Congresso Eucarístico Nacional, que aconteceu de 11 a 15 de novembro, na Arquidiocese de Olinda e Recife, com o tema “Pão em todas as mesas” e o lema “Repartiam o pão com alegria e não havia necessitados entre eles” (At 2,46).

Dom Edilson Soares Nobre, bispo de Oeiras.
Dom Edilson Soares Nobre, bispo de Oeiras.

Dom Edilson falou que o evento reafirmou a necessidade de uma Igreja sinodal e fez uma referência a cada um dos pilares inspirado no magistério do Papa Francisco, que propõe uma reflexão sobre os termos a partir dos quais é composto a temática do Sínodo: Comunhão, Participação e Missão.

Comunhão

“Eu resumo a experiência do Congresso Eucarístico Nacional em três palavras: comunhão, participação e missão. O tema Eucaristia ocupou a centralidade das discussões nas celebrações, simpósios e catequeses. E como sabemos, a Eucaristia gera comunhão. De fato, a própria experiência de encontros e de convivência que tivemos nestes dias, culminados pelas celebrações eucarísticas, evidenciou a fisionomia de uma Igreja que vive a comunhão”.

Participação

“Participação é a segunda palavra-chave. Um evento desta natureza reúne pessoas de todos os recantos do Brasil. Não obstante a diversidade cultural, todos participavam de forma ativa e interativa. As alegrias experimentadas nos encontros e reencontros que aconteciam nos corredores do Centro de Convenções, principal palco do evento, eram explícitas e plenas da luz do Evangelho”.

Missão

“Por fim, a experiência da Missão, interpretada em duas vertentes: a missão no chão do Congresso Eucarístico, onde leigos, padres e bispos puderam sair do local das palestras e grandes celebrações para irem às periferias da cidade do Recife, participar de da vida das comunidades. Eu tive a alegria de conhecer e visitar duas vezes a paróquia de Nossa Senhora da Conceição, no bairro da Mangueira, periferia da cidade. Para mim foi uma benção. A outra vertente da missão é que vimos e ouvimos no Congresso nos leva além das fronteiras da cidade que sedia o evento. A gente vem, participa, se abastece da sabedoria e dos testemunhos dos palestrantes e volta cheio de alegria para retomar a missão que nos foi confiada por Nosso Senhor pelo impulso do seu Espírito”.

FONTE: https://cnbbne4.org.br/apontou-para-os-caminhos-da-sinodalidade-diz-dom-edilson-sobre-congresso-eucaristico-nacional/

Posts Relacionados

ANO
JUBILAR

AMIGOS DO
SEMINÁRIO

ESCOLA
MISSIONÁRIA
DISCÍPULOS DE
EMAÚS - EMIDE

Facebook

Instagram

Últimos Posts